Informações
  • Publicado em: 12/01/2016

Quem ainda não visitou a exposição ‘Arte de navegar’, que tem a proposta de resgatar e divulgar uma tradição que ultrapassou gerações, ainda tem tempo. As nove canoas entalhadas no tronco de guarapuvu permanecem na praça de eventos do Continente Shopping até o dia 15 de março. O evento tem entrada gratuita e traz um pouco da história dos índios, os primeiros e criadores das canoas, e os imigrantes açorianos que as adaptaram para seu uso no mar.

O artista plástico e curador da exposição, Lourival Medeiros, morador de São José, neto e filho de pescador, traz dois tipos de canoas que foram produzidas manualmente: a de borda lisa, para serem usadas em mares mansos, e a bordada, que recebe um reforço na lateral para oferecer mais segurança aos pescadores ao quebrar a rebentação de mares mais agitados.

Todas as canoas expostas foram entalhadas no tronco de guarapuvu. Para aflorar ainda mais as recordações e não deixar esta cultura morrer, Lourival – por meio da Fundação de Cultura de São José – criou uma regata de canoas, que já tem data para ser realizada, dia 20 de março. Durante o evento, que será na praia do Centro Histórico da cidade, as canoas expostas no Continente Shopping serão colocadas no mar. Esta será a segunda edição do evento. 

Compartilhar
Indicar para amigo
Novidades relacionadas